CidadesNoticiasPoliticaTucumã

ELEIÇÕES 2020 TUCUMÃ: Celso Lopes quebra o silêncio e fala sobre o seu futuro político

Em Tucumã é grande a expectativa para saber quem realmente será candidato a prefeito nas eleições que acontecerão no dia 15 de novembro de 2020. A posição do ex-prefeito Celso Lopes (PSDB) é uma das mais comentadas no município, isto porque ele lidera as enquetes e levantamentos estatísticos, mas até o momento Celso ainda não se manifestou oficialmente, se será ou não candidato.

Enquanto isso vários nomes estão em acalorada pré-campanha para concorrer  ao poder executivo municipal. Esta semana Celso quebrou o silencio e conversou com nossa reportagem sobre o seu futuro político.
Ele disse que diferente ao que muitos comentam, não tem qualquer impedimento na justiça para registrar sua candidatura, “Estou apto a ser votado”, explicou. Porem não deixou claro se será ou não candidato, “No próximo dia 30, Tucumã vai saber se serei ou não candidato a prefeito, neste dia vou me pronunciar publicamente quanto a minha posição política”, disse ele.
Celso falou ainda que no mesmo dia, caso ele não seja candidato, irá anunciar o nome de quem receberá o seu apoio na disputa. “Prefiro manter o silencio até o dia 30 próximo; de todo jeito vamos ganhar a eleição, eu como candidato ou apoiando alguém que receberá o apoio do meu grupo”, concluiu o médico.
Dentre os fatos da política loca também destaca – se, a escolha do candidato que será apoiado pelo governo municipal e governo estadual ambos do MDB. O prefeito Adelar Pelegrini fez opção em manter como pré-candidato o seu ex-secretário de saúde Raphael Antônio, assim contrariando aliados históricos do MDB que queriam o nome de Chico do Azougue como candidato do partido.
Outro ponto de destaque na política Tucumãense na atualidade é a adesão acentuada em torno do nome do pré-candidato Dr. Miguel (DEM) que já é apontado como um nome em potencial na disputa ao executivo. Mas nomes como: Jean da Tropical (PATRIOTA), Carlos Gontijo (PSL), Junior Bezerra, Dr. Vanderlei (PSD), Cezar Mendonça (PDT) e Pastor Alex (PSC) também estão em pré-campanha ao cargo de prefeito do município. Mas o certo é que nem todos registrarão candidatura e certamente se aliarão aos que disputarão. (Da Redação)

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar