CidadesNoticiasPolíciaRio Maria

RIO MARIA: Suspeitos de participação em assassinato de conselheiro tutelar são presos

Izaias Rocha, Antônio Guilherme Nazário e Igor Gomes foram presos sob acusação de envolvimento no assassinato do conselheiro tutelar Gutemberg Souza

Três homens foram presos nesta quarta-feira (23), suspeitos de participação no assassinato do conselheiro tutelar Gutemberg Santana de Souza, de 47 anos, ocorrido no dia 19 de setembro deste ano, no município de Rio Maria, no sul do Pará. A vítima foi morta a tiros por volta das 18h45, na casa de um amigo situada na rua 13, no centro da cidade.
Foram presos Izaias Rocha, conhecido pelo apelido de “Corujão”, que é servidor público municipal e motorista do Conselho Tutelar da localidade; Antônio Guilherme Nazário e Igor Gomes, durante a operação “A lei é para todos”, deflagrada pela Polícia Civil na localidade. Além da prisão deles, foram cumpridos mandados de busca e apreensão nas residências dos três acusados e ainda em propriedades do vereador de Rio Maria, Moisés Belício (MDB), e Elivando Jardim, conhecido como Vampiro, que também são investigados por participação no homicídio do conselheiro tutelar.

OUTROS CRIMES: No decorrer das investigações para desvendar a morte do conselheiro tutelar, a polícia acabou descobrindo que os três suspeitos também estavam envolvidos em outros crimes.
A Polícia Civil descobriu, por exemplo, que Izaias Rocha, o Corujão, já possuía mandado de prisão preventiva por outro crime de homicídio qualificado. Nesta ocorrência, conforme denúncia do Ministério Público, no ano de 2005, na companhia de outras duas pessoas, ele teria executado a tiros um homem chamado Antônio Edisnei. O motorista também teria tentado assassinar outra vítima identificada como William Gurgel, na cidade de Itupiranga, no sudeste do Pará.

As investigações apontaram ainda que Corujão comercializava substâncias entorpecentes na região de Rio Maria. Ele pegava as drogas na cidade de Redenção, também no sul paraense, e distribuiria em Rio Maria. Os entorpecentes eram fornecidos Antônio Guilherme Nazário, que também foi preso na operação pelo crime de tráfico de drogas. Antônio Nazário, durante o expediente de trabalho, fornecia serviços de “disk entrega de drogas”, distribuindo substâncias entorpecentes para vários usuários e traficantes em Rio Maria. Foi preso também Igor Gomes, apontado como distribuidor de entorpecentes no município. Ele foi autuado por tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Além de tráfico de drogas, Izaias Rocha, Antônio Nazário e Igor Gomes vão responder pelo homicídio do conselheiro tutelar.
No total, foram cumpridos, na ação policial, três mandados de prisão preventiva e cinco mandados de busca e apreensão. Todos os materiais apreendidos serão analisados e periciados, servindo de base para o prosseguimento das investigações, ainda em andamento, que visam a elucidação completa da morte do conselheiro tutelar.
A operação contou com apoio de equipe da Superintendência do Alto Xingu, da Delegacia de Tucumã e da Delegacia de Conflitos Agrários (Deca) de Redenção. (Fonte: O Liberal)

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar