CidadesNoticiasPolíciaRedenção

REDENÇÃO: Polícia não descarta hipótesede latrocínio no caso de professor assassinado

Valdenilson

A Polícia Civil de Redenção não descarta a hipótese de latrocínio, roubo seguido de morte, no caso do professor Valdenilson Conceição Lima, popularmente conhecido por “Denilson”, encontrado morto no prédio desativado da Polícia Rodoviária Federal (PRF), localizado na rodovia BR-155, entre Redenção e Pau D’Arco, na manhã desta segunda-feira (2). O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Marabá, onde passará por autópsia.
Denilson foi encontrado com a garganta cortada e uma perfuração de faca no coração. A motocicleta dele foi levada pelo assassino, o que leva a polícia a trabalhar com a tese de latrocínio.

PERFIL: Valdenilson Lima tinha 36 anos, era formado em Língua Portuguesa pela Universidade Vale do Acaraú (UVA), possuía pós-graduação e também era graduado em Pedagogia. Atuava como professor na Escola de Ensino Fundamental Ronan Fidélis de Melo e era docente na Faculdade Integrada Carajás (FIC). Também trabalhou na Secretaria Municipal de Educação, Cultura Lazer e foi um dos idealizadores do Projeto Festival Junino de Redenção. Além disso, foi um dos fundadores do Grupo Junino Explosão de Redenção e um dos um dos responsáveis pela modernização e fortalecimento dos festivais e grupos juninos do município.
A morte do professor causou muita comoção na cidade devido à vítima ser uma pessoa muito querida. A população e a classe educacional clamam por respostas em relação a esse crime bárbaro.
“Sentiremos muito a sua falta, meu amigo. Seu jeito único de ensinar, tornava a aprendizagem em uma experiência maravilhosa. Um grande profissional com um enorme coração, que ia sempre além de suas obrigações. Ficará eternamente guardado em nossos corações. Uma perda irreparável para a Educação”, citou o Secretário Municipal de Eeducação, Cultura e Lazer, Prof. Vanderly Moreira.

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar