PolíciaRio Maria

Quem eram os dois jovens mortos durante abordagem da PM em Rio Maria

Foto Divulgação

Uma abordagem da Polícia Militar em operação ostensiva na localidade da Mata Azul, zona rural de Rio Maria – a 73 km distantes da sede do município, terminou com duas mortes. O fato aconteceu por volta das 8h da manhã deste domingo (22). Os mortos foram Luan (22) e Maycon (24), ambos moradores da vila que tem cerca de 60 famílias.

Outras duas pessoas que estavam na casa no momento da abordagem empreenderam fuga no matagal. O relato da Polícia Militar informa que os jovens vinham aterrorizando a vila e região e receberam a polícia à bala.
O comandante do batalhão da PM em Rio Maria, sargento Silvio, disse que há vários dias o comando vinha recebendo denúncias de ameaças, roubos e furtos na vila e residências rurais na região. Segundo ele na manhã deste domingo, recebeu um informe de que na referida vila uma mulher era mantida em cárcere privado por dois homens de pré-nome Maycon e Luan. Que ao se dirigirem até o local e fazer o cerco na casa indicada – dois homens saíram atirando contra a polícia, durante o revide os dois foram atingidos e caíram no quintal. Outros dois homens empreenderam fuga atirando na guarnição.

Uma ambulância com uma enfermeira estava na vila atendendo uma ocorrência a um idoso, a enfermeira foi acionada e tentou reanimar os dois jovens, mas os mesmos evoluíram a óbito no mesmo momento. Os corpos foram levados pela polícia e deixados no necrotério do hospital municipal em Rio Maria.

Com o acusado Maycon, a polícia disse que recolheu um revolver 38 com três munições deflagradas e duas intactas, e com Luan, uma espingarda 28 cano serrado com uma munição deflagrada. Na residência a suposta mulher que estaria em cárcere não foi encontrada, mas no interior da casa a polícia encontrou.

QUEM: Os dois acusados são filhos de pessoas da região; os pais de Luan moram em Xinguara, inclusive ele é sobrinho de um oficial da PM lotado no quartel do município. Já o Maycon é proprietário de uma área rural na região da Mata Azul, informou a PM. Segundo o sargento que comandou a operação, os dois acuados eram temidos pelos moradores da localidade e andavam sempre armados. (Lourivan Gomes / redação on-line)

Foto Divulgação

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar