CoronavírusPará

Pará confirma primeiro caso de Covid-19 no regime aberto do sistema penitenciário

Seap garante que não há contágio generalizado, já que o interno infectado cumpre regime aberto e por determinação judicial ficará em casa até se recuperar

Entre os 11 novos casos confirmados de Covid-19 no Pará, anunciados nesta quarta-feira (8) ao vivo, pelo governador Helder Barbalho, está um interno da Casa do Albergado, unidade prisional localizada no bairro de Val de Cans, em Belém. Ao lado do governador estavam os secretários de Estado de Administração Penitenciária, Jarbas Vasconcelos, e de Saúde Pública, Alberto Beltrame.

Dentro da determinação do governo de priorizar a transparência nas informações sobre a pandemia, o secretário Jarbas Vasconcelos garantiu que não há contágio generalizado no sistema carcerário do Estado. O custodiado infectado cumpre regime aberto e trabalhava fora durante o dia. Os sintomas foram apresentados três dias após a publicação do decreto estadual que suspendeu visitas às unidades penais, como forma de prever o contágio pelo novo Coronavírus.

“No dia 20 saiu o decreto e, na terça-feira seguinte, dia 24, ele se sentiu mal. Foi atendido numa unidade de saúde, depois foi para o Hospital Porto Dias, onde fez o teste, e o resultado saiu ontem (7 de abril), confirmando que ele estava infectado. Ele iria para a unidade exclusiva que dispomos em Marituba (Região Metropolitana de Belém), mas o juiz titular da 3ª Vara de Execução Penal determinou seu recolhimento para a unidade domiciliar, depois que foi constatado pela equipe médica que ele estava em boas condições”, informou Jarbas Vasconcelos, acrescentando que o custodiado ficará em casa com tornozeleira eletrônica.

(Com informações de Agência Pará)

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar