NoticiasPará

Governo do Pará discute fornecimento de vacina com Butantan e Fiocruz para começar imunização em janeiro

Governador diz que só espera a liberação da vacina pela Anvisa para iniciar a imunização da população paraense

O governador Helder Barbalho segura uma unidade da vacina CoronaVac, desenvolvida pelo Instituto Butantan e o laboratório chinês Sinovac

Helder Barbalho esteve na sede do Instituto Butantan, nesta quinta-feira (07), em São Paulo (SP), onde é produzida a vacina CoronaVac, em parceria com o laboratório chinês Sinovac, para discutir detalhes da estratégia de imunização contra a Covid-19, no Estado do Pará.

O governador também foi à Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), no Rio de Janeiro (RJ), para saber detalhes sobre o fornecimento da vacina desenvolvida pela Universidade de Oxford, na Inglaterra, junto com o Laboratório AstraZeneca.

O governador afirmou que o empenho do Executivo é de iniciar a imunização ainda em janeiro.

Dimas Covas aprovou a iniciativa do Governo do Pará e anunciou que o Butantan pode produzir 1 milhão de doses da vacina por dia

Interesse do Estado – No Instituto Butantan, Helder Barbalho foi recebido pelo hematologista e atual diretor da instituição, Dimas Covas, que confirmou o interesse em firmar parceria para fornecer vacina à população paraense, assim que possível. (Agência Pará)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo