Redenção

REDENÇÃO: Prefeitura inaugura Parque Natural, Vila Ambiental

O espaço é ideal para lazer familiar e estudos escolares e universitários.

Na tarde desta quarta-feira (29) cerca de 500 pessoas participaram da solenidade de inauguração do Parque Natural Municipal de Redenção, Vila Ambiental. Estiveram presentes, o Prefeito do município de Redenção Carlos Iavé (MDB), Deputado Federal Joaquim Passarinho (PSD), Secretário Municipal de Meio Ambiente Aristóteles Alves e o Vereador Emerson Monsef (MDB).

Parque Natural, Vila Ambiental. (Foto: Lourivan)

O Parque conta com uma área de 162000 m² e uma abrangência de biodiversidade, além de várias opções de lazer para população, como bancos e locais para piquenique, parquinho na área infantil e local para praticar exercício. O parque estará aberto à população de quarta-feira a domingo das 9hr até as 17hrs. O projeto está em andamento desde 2017, tendo conclusão somente em 2020.

Área infantil do Parque Natural. (Foto: Lourivan)

Etapas: O projeto é dividido em quatro etapas, a primeira já está concluída, sendo nomeada como Vila Ambiental, que comporta a sede administrativa do departamento que cuida do Parque. O espaço natural também é destinado para as escolas que irão usufruir da estrutura para aulas práticas; a segunda etapa, nomeada como Centro de Pesquisas e Conservação de Biodiversidade ficará ao fundo do parque, cujo objetivo é a produção de conhecimento. Neste ambiente será feita o trabalho de reprodução de araras, com fabricação de ninhos; Na terceira etapa  ficará o lago, destinado ao lazer, e contará também com  trilhas monitoradas; a quarta etapa é o Horto Florestal, onde será instalado o viveiro, produzindo sementes e mudas para doar para a comunidade.

A inauguração reuniu mais 500 pessoas. (Foto: Lourivan)

Custo: Todos os investimentos nesta primeira etapa, orçado em R$380 mil foram pagos com recursos próprios do munícipio. O Deputado Joaquim Passarinho destinou um convênio no valor de R$500 mil para serem investidos no Parque.

Prefeito Carlos Iavé (Foto: Lourivan)

Legislação: O Poder Legislativo aprovou uma lei criando a unidade de conservação de uso de proteção integral, destinando a área para a produção cientifica.

 

(Júlia Mahraia/ da redação)

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar