Redenção

REDENÇÃO: Família procura candidato a vereador desaparecido desde a última terça-feira

O candidato a vereador pelo partido Solidariedade, Cícero José Rodrigues de Souza, de 42 anos de idade, foi visto pela última vez em frente da agência do Banco do Brasil. Segundo a família, ele sofre de epilepsia

A família de Cícero José Rodrigues de Souza, de 42 anos, está à procura dele desde a última terça-feira (20), quando desapareceu. Ele é candidato a vereador em Redenção, concorrendo pelo partido Solidariedade.

De acordo com a família, Cícero foi visto pela última vez em frente à agência do Banco do Brasil de Redenção. Ainda segundo familiares, ele sofre de epilepsia.

Os familiares já registraram Boletim de Ocorrência na Delegacia de Polícia Civil de Redenção e pedem a quem tiver qualquer informação sobre ele que entre em contato pelos números (94) 99191-8161 e (94) 99170-5621. As pessoas também podem passar informação à Polícia Militar, pelo número 190.

De acordo com o irmão de Cícero, Carlos Lindemberg, ele foi visto pela última vez em frete à agência do Banco do Brasil, por volta de 16h e 16h30 de terça-feira, conversando com três pessoas. Depois de disso, não se tem mais notícia sobre ele.

Ainda segundo Carlos, pouco depois desse horário em que foi visto, o telefone dele já começou a ir para a caixa postal. “Como ele deixou de dar notícias, começamos a ligar e o telefone dele já ia para a caixa postal. Começamos a procurar por ele, mas nada”, detalha, informando que assim que completou às 24 horas do seu desaparecimento, eles registraram Boletim de Ocorrência.

“A Polícia Civil, assim como a Polícia Militar, tem feito buscas por ele. Só temos a agradecer aos policiais que estão empenhados em localizá-lo. Nós estamos procurando pela zona rural, dentro de córregos e também estamos buscando informações em municípios vizinhos. Quem, por favor, tiver qualquer informação sobre meu irmão é só nos ligar nos números divulgados, que seremos eternamente gratos”, ressalta Carlos.

Ele informa que seu irmão é envolvido em lutas sociais e é presidente da Associação e Epiléticos de Redenção e também já trabalhou no Conselho Tutelar da cidade. Ele mora sozinho no Bairro Novo Horizonte e, essa, é a primeira vez que concorre a vereador.

Com a relação à doença, Carlos diz que Cícero toma medicação e nunca teve problemas ao sair na rua. “Isso não tem ligação com o seu desaparecimento, porque ele sempre tomou sua medicação certinho”, afirma, dizendo que seu irmão nunca desapareceu antes ou ficou fora de casa sem dar notícias à família.

(Tina Santos/ blog do  Zé Dudu)

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar